A nossa proposta de aventura

 

ESCALADA E VIA FERRATA

“Viajar na aventura” é o novo conceito de actividade AZIMUTHPRECISION®, onde toda a logística de alimentação e dormida fica a cargo do participante.

O nosso foco é a aventura… “Viajar na aventura”, alinham?

Esta aventura desenrola-se entre Idanha a Nova e Oleiros… Onde Penha Garcia, Monsanto e Oleiros são o palco principal da adrenalina.

Paisagens deslumbrantes divididas entre campo, aldeias e riachos, deambulando por estradas de piso Romano… a AZIMUTHPRECISION® dedica de novo mais uma viagem aos aventureiros que gostam de viajar!


INFORMAÇÕES

  • Inclui:
    – Seguro de Acidentes Pessoais
    – Atividades
    – Materiais técnicos
    – Monitores com formação técnica de escalada e resgate
    – Coordenador com formação de primeiros socorros
  • Objectivos:
    – Autoestima
    – Reflexão
    – Espírito de grupo
    – Conhecer Portugal
  • Dificuldade das caminhadas: fáceis
  • Dificuldade das escaladas: adaptadas ao nível do grupo
  • Dificuldade da via ferrata: 2 de 1 a 7
  • Data: 27, 28 de Maio
  • Actividades: caminhadas, escaladas e via ferrata
  • Local: Penha Garcia, Oleiros, com passeios em Monsanto
  • Idade mínima: 12 anos (acompanhados pelos pais)
  • Limite do grupo: 10 participantes
  • Valor da aventura: 50€*
  • Informação: Caso o participante não queira realizar todas as actividades, o valor não altera.

 

Penha Garcia

“Penha Garcia waterfall area / Portugal, Europe”

“Na Beira Baixa, a poucos quilómetros de Espanha, uma povoação típica espraia-se pela encosta da serra. A sua posição privilegiada de defesa terá sido um dos motivos da fixação neste lugar de um povoado neolítico, mais tarde transformado num castro lusitano e, depois, numa povoação romana.”  See

 

 

 

 

 

 

 

 

Oleiros

“Oleiros with breathtaking scenery / Portugal, Europe”

” Oleiros, a vila que sobrevive desde tempos medievais, é testemunho de um passado que importa ainda reconstituir, documentar, delimitar a sua exacta extensão, lembrar os forais concedidos e os esforços colocados nas tentativas de restauro respigadas em velhos diplomas que chegam até ao rei Venturoso.

A setentrião, ladeada pela serra da Rasca e Alvelos, no meridião pelas alturas serranas da Lontreira ou Isna e Cabeço da Rainha, miradouros naturais da agreste beleza paisagística, Oleiros emerge no alargado vale junto à ribeira apertada entre as pertenças ao Estreito, Oleiros e Sertã, com o seu casario branco mesclado pela parda cor xistosa, que algum apontamento recente pontilha de novidade. Junto à ribeira, florescem os campos de cultivo e vasto arvoredo de sombra refrescante a desafiar os rigores do estio, mas também a lembrar a gelidez de Invernos duros e tempestivos.” [ms_icon icon=”fa-search-plus” size=”14″ color=”#820000″ icon_box=”no” class=”” id=””]